terça-feira, 13 de novembro de 2012

A frota de um porta aviões dos EUA

Um porta-aviões permite que a marinha americana transporte um aeroporto inteiro, alguns deles chegam a transportar 190 aviões de combate, bombardeiros e aeronaves de apoio como helicópteros, para qualquer lugar do mundo onde haja um oceano, o que dá aos EUA uma incrível flexibilidade, já que não há necessidade de tratados ou permissão de outras nações para navegação. Com uma velocidade de aproximadamente 700 milhas náuticas por dia e bases na costa Leste do país e no Havaí, os porta-aviões podem chegar a qualquer lugar do mundo em menos de duas semanas impulsionado por seus reatores nucleares. Os porta aviões são um alvo fácil devido ao seu tamanho, que equivale a altura de um edifício de 20 andares e pouco armamento para alto defesa, por esse motivo a necessidade de todo um aparato para garantir o sucesso de suas missões.
A marinha americana forma grupos de apoio aos porta-aviões conforme a necessidade e nomeiam os navios integrantes de acordo com a missão, o que faz com que cada grupo seja diferente do outro. No entanto, um grupo de apoio, basicamente, consiste nos seguintes navios:

Um pota aviões







Dois cruzadores
Navios de ataque carregados com mísseis de cruzeiro para atingir alvos em terra.








Dois destróieres
Os destróieres são navios que podem se defender contra ataques de submarinos e aviões. Além disso, têm a capacidade de lançar mísseis de cruzeiro.








Uma fragata
A fragata é usada para a defesa contra submarinos.








Dois submarinos
Os submarinos são embarcações de defesa que podem atacar navios e submarinos inimigos.








Um navio de abastecimento
O navio de abastecimento transporta combustível, alimentos e munição para o grupo.








Também podem haver outros navios viajando com o grupo como navios transportando tropas; embarcações anfíbias para os fuzileiros navais; navios de carga com tanques e outros equipamentos; caça-minas e outros. Tudo depende da missão.








                                          video

Imagem Wikipédia, Vídeo Youtube.